Rigor Histórico PDF Versão para impressão Enviar por E-mail

O Sporting Clube de Portugal comemorou no dia 1 Julho 2006 cem anos bem contados, com respeito pelo rigor histórico; ao contrário de outros que somam anos a partir da fundação de entidades que lhe deram origem ou ignoram longos períodos de inactividade que se seguiram a uma efémera existência de colectividades que as precederam.

Para ser "mais antigo" como outros se vangloriam, o SCP poderia ter fixado como data da sua fundação a do "Sport Club de Belas" em 1902 ou mesmo a do "Campo Grande Sporting Club", em 1904.

Contudo, em nome da coerência, a data oficial escolhida para o Grande SCP fixou-se no primeiro dia de Julho do ano 1906.

Nesses dias de 1906 ficou definido o rumo: Futebol sim, mas ecletismo também, correspondendo à vocação multi-desportiva de alguns dos fundadores do SCP que eram ao mesmo tempo dirigentes e atletas. Jogavam futebol, faziam atletismo, praticavam ténis, tracção à corda, esgrima, ginástica, hóquei em campo ou criquet.

Na génese da formação do SCP esteve a indómita vontade de desenvolver a prática desportiva sendo esta fundamental para a decisão da fundação do clube.

 

A nossa História do SCP

Ousar abordar a história do nosso SCP, na perspectiva do adepto, é um desafio a que nos propomos.

Não é uma abordagem personalizada nas figuras e figurões que têm pass(e)ado pelo nosso Clube. Na Torcida Verde abominamos e desprezamos essa "análise" muito característica de uma determinada mentalidade identificada com a visão "sincrónica da história".

Preferimos a análise diacrónica onde se releva a instituição no contexto sócio desportivo, como aliás é apanágio da "história moderna".

Não pretende por isso ser a história oficial, que revela sempre a "perspectiva" destes ou daqueles dirigentes que na ocasião presidem aos destinos do Clube.

Por tudo isto esta é a nossa história do SCP.

 

Facebook Twitter YouTube Google+ RSS